Posts Recentes:

Microsoft tentou vender o Bing para a Apple, mas problemas de qualidade de pesquisa impediram


A Microsoft tentou vender seu mecanismo de busca, o Bing, para a Apple em 2018, mas a Apple recusou devido a problemas de qualidade de pesquisa, de acordo com um documento judicial do Google.

O documento, do processo antitruste do Google contra o Departamento de Justiça dos EUA, foi divulgado na última sexta-feira.

Nele, o Google argumenta que a Microsoft propôs à Apple em várias ocasiões entre 2009 e 2020 que o Bing se tornasse o mecanismo de busca padrão no navegador Safari da Apple. No entanto, a Apple rejeitou todas as propostas, citando problemas de qualidade com o Bing.

“Em cada caso, a Apple analisou cuidadosamente a qualidade relativa do Bing em comparação com o Google e concluiu que o Google era a escolha padrão superior para seus usuários do Safari. Isso é concorrência”, escreveu o Google no processo.

De acordo com o documento, Eddy Cue, vice-presidente sênior de serviços da Apple, disse que “a qualidade de pesquisa da Microsoft, seu investimento em pesquisa, tudo não era significativo”.

“Então, tudo era inferior. Portanto, a qualidade da pesquisa em si não era tão boa. Eles não estavam investindo em nenhum nível comparável ao Google ou ao que a Microsoft poderia investir. E sua organização de publicidade e como eles monetizam também não eram muito boas.”

A Apple não comentou o assunto.

Últimas

Assine

spot_img

Veja Também

spot_img

Paul Graham afirma que Sam Altman não foi demitido da Y Combinator

Em um série de postagens no X na quinta-feira, Paul Graham, cofundador da aceleradora de startups Y Combinator, rejeitou as alegações de que...

A desinformação funciona, e um punhado de “supercompartilhadores” sociais enviou 80% dela em 2020

Dois estudos publicados quinta-feira na revista Science oferecem evidências não apenas de que a desinformação nas redes sociais muda as mentes, mas que...