Posts Recentes:

Criação de artigos exclusivos a partir de feeds RSS importados usando IA

Você sabia que o shortcode é perfeito...

Por que o EQ é importante no trabalho (e no SEO)

A inteligência emocional (EQ) é importante em nosso...

As visões gerais de IA do Google se tornam virais e atraem o escrutínio da mídia convencional

A implementação pelo Google de visões gerais geradas...

O que é publicidade gráfica programática?

A publicidade gráfica programática automatiza o processo de compra e venda de espaços publicitários, empregando tecnologia de ponta, uma vez que IA e tirocínio de máquina. Pode melhorar a eficiência e a eficiência, simplificando processos e garantindo que os anúncios sejam vistos pelas pessoas mais relevantes. 

Oriente cláusula explica o que é publicidade gráfica programática, seus benefícios, desafios e perspectivas futuras!

Definição de publicidade gráfica programática

Antes de compreender a publicidade programática, é necessário compreender o concepção universal de compra de mídia do dedo. 

A compra de mídia do dedo refere-se à seleção e compra de espaço publicitário em plataformas digitais (por exemplo, sites). Inclui 3 métodos distintos: manual, direto e programático:

  • As negociações manuais envolvem negociações individuais e gerenciamento prático de lances em trocas de anúncios. O editor define preços e seleciona lances, e os anunciantes fazem lances e gerenciam pessoalmente seus posicionamentos de anúncios por meio de plataformas uma vez que o Google Ads. 
  • As ofertas diretas ocorrem quando os editores negociam individualmente com os anunciantes para chegar a um consonância sobre taxas de anúncios e tempos de realização específicos, muitas vezes garantindo preços premium para seu inventário. 
  • As negociações programáticas automatizam o processo, aproveitando algoritmos de perceptibilidade sintético (IA) e lances em tempo real (RTB) em plataformas de oferta (SSPs) para vender espaço publicitário ao licitante com lance mais cumeeira, maximizando a receita e a eficiência na venda de impressões de anúncios.

Em origem, a publicidade programática é o método automatizado de compra e venda de espaço publicitário do dedo. Essa tecnologia permite transações em tempo real, tornando o processo mais eficiente e escalável.

Ele permite que os editores monetizem efetivamente seu teor do dedo, enquanto os anunciantes podem atingir seus públicos-alvo com mais precisão e eficiência. 

O que significa programático?

A termo “programática” em publicidade refere-se ao método automatizado e fundamentado em algoritmos de compra e venda de anúncios, que é executado de consonância com um projecto predeterminado e por meio do uso de programas de computador.

De consonância com o léxico Cambridge, a termo programática tem 2 significados:

  1. “acontecendo ou feito de consonância com um projecto ou usando um método específico”

Em primeiro lugar, a publicidade programática acontece de consonância com um método planeado. Envolve a feitio de campanhas com parâmetros específicos (por exemplo, público-alvo, preço do lance e posicionamento do pregão) que são logo executados maquinalmente. 

Esta abordagem planejada e metódica é um vista médio da publicidade programática. Baseia-se em regras e estratégias predefinidas para estabelecer onde e quando os anúncios serão exibidos.

  1. “usando ou relacionado a programas de computador”

Em segundo lugar, a publicidade programática depende fortemente de programas de computador. Ele usa algoritmos e software sofisticados para automatizar a compra e venda de inventário de anúncios em tempo real. 

Essa automação é verosímil por meio da utilização de DSPs, SSPs e Ad Exchanges, todos soluções de software que facilitam as diversas transações envolvidas na exibição de anúncios digitais.

Publicidade tradicional versus programática

Ao contrário dos métodos tradicionais de publicidade que se concentram em prometer espaços publicitários específicos, a publicidade programática prioriza atingir o consumidor-alvo onde quer que ele esteja online. 

Os profissionais de marketing precisam definir seu público-alvo, definir seu orçamento em termos de CPC ou CPM e fornecer o material criativo para o pregão. O sistema de IA logo assume o controle, usando dados e algoritmos para colocar anúncios diante de usuários que correspondam ao perfil de usuário definido, otimizando os gastos com publicidade e a eficiência da segmentação.

Aliás, os termos programática e display referem-se a dois aspectos diferentes da publicidade do dedo. Programática refere-se a uma vez que os anúncios são comprados e colocados, enquanto display é o formato do pregão e onde ele aparece. 

Alguns anúncios programáticos são anúncios gráficos e alguns anúncios gráficos são programáticos. 

De qualquer forma, você pode colocar anúncios gráficos manualmente, em vez de programaticamente. Você pode comprar programaticamente outros tipos de anúncios além dos anúncios gráficos, uma vez que anúncios da Rede de Pesquisa.

Componentes principais da publicidade gráfica programática

A publicidade programática é um ecossistema multíplice e opera com a sinergia de 5 componentes principais:

ComponenteDescrição
Plataformas do lado da demanda ( DSPs )Plataformas que os anunciantes usam para automatizar a compra de anúncios digitais. Os anunciantes inserem seus critérios de campanha publicitária no DSP, o DSP logo usa algoritmos para fazer lances em espaços publicitários em propriedades de vários editores em tempo real, garantindo que os anúncios do anunciante sejam exibidos para o público visível, no momento e no preço certos.
Plataformas do lado da oferta (SSPs)Os editores usam SSPs para gerenciar e monetizar seu teor online. Um SSP lista o inventário de anúncios disponível do editor. Apresenta-o a potenciais compradores, visando obter o melhor preço verosímil para cada espaço publicitário, disponibilizando-o a um vasto conjunto de anunciantes. É cá que o espaço do dedo do editor, uma vez que banners de sites, espaços de anúncios em vídeo ou espaços de aplicativos, é oferecido para licitação.
Trocas de anúnciosEles facilitam o processo de leilão em que os DSPs fazem lances em nome dos anunciantes pelo inventário de anúncios fornecido pelos SSPs. O Ad Exchange usa algoritmos complexos para executar esses leilões em milissegundos, determinando qual pregão preencherá a vaga disponível na propriedade do editor com base no lance mais cumeeira e na melhor correspondência aos critérios do editor.
Servidores de anúnciosDepois que um pregão for adquirido por meio do DSP e do SSP por meio do Ad Exchange, ele deverá ser entregue ao usuário. É cá que entram os servidores de anúncios. Eles são responsáveis ​​pelos aspectos tecnológicos da veiculação de anúncios, garantindo que o pregão correto seja exibido ao usuário visível, acompanhando seu desempenho e coletando dados para fins de relatórios.
Provedores de dadosEstas são as entidades que fornecem os dados que alimentam as capacidades de segmentação da publicidade programática. Eles fornecem informações detalhadas sobre públicos potenciais, uma vez que dados demográficos, interesses, comportamentos, etc. Esses dados são cruciais para que os anunciantes atinjam o público desejado de maneira eficiente e para que os editores atraiam anúncios que sejam relevantes para seu público.

Porquê funciona a publicidade gráfica programática?

Publicidade gráfica programática refere-se ao uso dessa tecnologia automatizada para comprar e exibir anúncios em sites, aplicativos e outras plataformas digitais. 

Os anúncios são exibidos aos usuários com base em vários critérios de segmentação (por exemplo, dados demográficos, comportamento, interesses), garantindo que os anúncios veiculados sejam relevantes para os usuários que os veem. 

Esse método é altamente eficiente, pois permite RTB e posicionamento, o que significa que o inventário de anúncios é comprado e vendido por sentimento enquanto o usuário carrega uma página da web. Essa eficiência leva a um melhor desempenho dos anúncios e pode resultar em um ROI mais cumeeira para os profissionais de marketing.

Plataformas do lado da demanda (DSPs)

As plataformas de demanda (DSPs) permitem que os anunciantes comprem, gerenciem e otimizem campanhas publicitárias on-line em sites de vários editores a partir de uma única interface. Através dos DSPs, os anunciantes podem atingir grupos de usuários específicos com base em critérios uma vez que localização ou histórico de navegação, garantindo que os anúncios alcancem os públicos mais relevantes. 

A plataforma também auxilia na definição do teor do pregão, no gerenciamento de lances para posicionamento de anúncios em leilões em tempo real e na obtenção de publicidade econômica, determinando as impressões de anúncios de melhor valor.

Porquê os anunciantes usam DSPs para comprar impressões de anúncios?

Os anunciantes inserem critérios específicos, uma vez que detalhes demográficos, interesses e comportamentos, para identificar seu público-alvo. A DSP logo usa o RTB para colocar maquinalmente anúncios onde eles têm maior verosimilhança de serem eficazes, tudo dentro das restrições do orçamento do anunciante. 

Esse processo é orientado por dados e ocorre em milissegundos, garantindo que os anunciantes possam competir por impressões de anúncios premium sem negociação manual, otimizando assim seus gastos com publicidade e maximizando o ROI.

Plataformas do lado da oferta (SSPs)

Uma plataforma do lado da oferta (SSP) é usada pelos editores para vender seu inventário de anúncios aos anunciantes em várias trocas de anúncios, maximizando sua receita publicitária. 

Ao contrário dos DSPs usados ​​pelos anunciantes, os SSPs atendem aos editores. 

Eles desempenham um papel crucial no ecossistema publicitário, facilitando os lances em tempo real (RTB), que permitem que vários anunciantes concorram instantaneamente por impressões de anúncios. 

Os SSPs usam tirocínio de máquina para otimizar a receita, garantindo que os anúncios mais muito pagos sejam selecionados. Eles também oferecem suporte a lances de cabeçalho, permitindo que os editores apresentem seu inventário a diversas fontes de demanda simultaneamente. 

Aliás, os SSPs fornecem recursos uma vez que definir limites de preços mínimos (preços mínimos), controlar quais anunciantes podem exibir anúncios (usando listas de permissões e listas negras), prometer a qualidade dos anúncios e oferecer análises detalhadas sobre o desempenho e as vendas dos anúncios.

Porquê os editores vendem espaço publicitário usando SSPs?

Um SSP lista o inventário de anúncios disponíveis de um editor e o exibe para compradores em potencial, maximizando as chances de vendê-lo pelo melhor preço verosímil. Através do SSP, os editores podem definir preços mínimos e especificar quais tipos de anúncios ou anunciantes são aceitáveis, mantendo a integridade de seu site.

O SSP facilita leilões de impressões de anúncios, muitas vezes em tempo real, alinhando-se com os DSPs do lado dos compradores. Garante que o espaço publicitário seja preenchido de forma eficiente, com teor relevante para o público do editor, salvaguardando a experiência do usuário e otimizando a receita.

Lance em tempo real (RTB)

O lance em tempo real é um processo em que as impressões de anúncios são compradas e vendidas por meio de leilões automatizados em tempo real. 

Comparado à publicidade tradicional, que envolve negociações e preparações manuais, o RTB utiliza algoritmos para otimizar instantaneamente a compra e venda de impressões de anúncios. Isso garante que os editores maximizem a receita de cada sentimento enquanto os anunciantes alcançam seu público mais relevante. 

Embora o RTB ofereça benefícios uma vez que segmentação precisa e eficiência por meio de decisões baseadas em dados, os métodos tradicionais de publicidade priorizam o extenso alcance, o controle específico do posicionamento do pregão e são mais familiares para muitos anunciantes.

Trocas de anúncios

As trocas de anúncios são plataformas digitais que conectam anunciantes e editores que desejam comprar e vender seu inventário de anúncios. As trocas de anúncios usam tecnologia RTB e são projetadas para tornar a compra e venda de anúncios online mais eficiente.

Porquê as trocas de anúncios facilitam a compra e venda de espaço publicitário?

As trocas de anúncios automatizam a transação de espaço publicitário, proporcionando aos editores entrada a uma ampla gama de compradores e permitindo que os anunciantes comprem impressões de anúncios direcionadas, tudo dentro de um sistema que opera em tempo real para combinar oferta e demanda de maneira eficiente.

As trocas de anúncios privadas oferecem controle ainda maior, restringindo as vendas a um grupo seleto de anunciantes.

Quando os usuários visitam o site de um editor, o Ad Exchange avalia o espaço publicitário disponível uma vez que impressões potenciais e convida os anunciantes a fazerem lances neles.

  • Os anunciantes especificam o preço sumo que estão dispostos a remunerar por sentimento e podem usar critérios de segmentação detalhados para atingir o público-alvo desejado. 
  • Os editores mantêm o controle sobre quais anúncios aparecem em seus sites e podem definir preços mínimos de lance para prometer que recebam uma ressarcimento justa pelo seu espaço publicitário. 

Trocas de anúncios versus redes de anúncios tradicionais

Uma rede de anunciantes atua uma vez que intermediária, coletando e consolidando o inventário de anúncios de vários editores e depois vendendo-o aos anunciantes, muitas vezes com uma margem de lucro. 

Por outro lado, uma troca de anúncios é um mercado do dedo que facilita a compra e venda direta de inventário de anúncios entre editores e anunciantes, oferecendo maior transparência ao permitir que os compradores vejam os preços pelos quais as impressões são vendidas. 

As redes de anúncios muitas vezes obtêm seu inventário de trocas de anúncios, não uma vez que concorrentes, mas uma vez que intermediários que acrescentam uma classe de serviço e conveniência, complementando assim a funcionalidade das trocas de anúncios.

Benefícios da publicidade gráfica programática

Cá estão 10 benefícios da publicidade gráfica programática: 

  1. Aumento da receita. Ao entrar em um mercado global, os editores podem maximizar a receita do inventário de anúncios por meio de lances em tempo real, o que geralmente leva a taxas de preenchimento mais altas e melhores CPMs.
  1. Eficiência e automação. A publicidade programática automatiza o processo de venda de anúncios, reduzindo a premência de esforços manuais de vendas e permitindo um gerenciamento de estoque mais eficiente e eficiente.
  1. Diversificação da procura. Os editores obtêm entrada a uma ampla gama de anunciantes de diferentes setores, o que pode ajudar a variar os fluxos de receita e reduzir a obediência de alguns grandes anunciantes.
  1. Segmentação granular. Os SSPs permitem que os editores aproveitem os dados para oferecer opções de publicidade direcionada aos anunciantes, o que pode aumentar o valor do seu inventário.
  1. Controle de estoque e preços. Os editores podem definir preços mínimos e escolher quais anúncios serão exibidos em seus sites, mantendo o controle sobre a qualidade e a relevância dos anúncios para seu público.
  1. Experiência do usuário aprimorada. Com a capacidade de controlar a qualidade e a relevância dos anúncios, os editores podem prometer uma melhor experiência do usuário, o que é fundamental para a retenção e o envolvimento do público.
  1. Informações em tempo real. As plataformas programáticas fornecem dados e análises em tempo real, ajudando os editores a compreender o desempenho do inventário e o comportamento do público para otimizar suas estratégias.
  1. Estoque não vendido reduzido. A natureza em tempo real da programática significa que o inventário não vendido pode ser reduzido significativamente, pois os anúncios podem ser vendidos e veiculados no momento em que um usuário visitante uma página.
  1. Chegada a várias trocas e redes de anúncios. Os editores podem se conectar a diversas fontes de demanda simultaneamente, aumentando a concorrência por seu inventário e a verosimilhança de lances mais altos.
  1. Proteção da marca. Com a publicidade programática, os editores podem usar ferramentas e filtros para impedir que anúncios de marcas que não estejam alinhados com seus valores ou que possam prejudicar sua reputação apareçam em seus sites.

Desafios e preocupações na publicidade gráfica programática

A publicidade gráfica programática enfrenta obstáculos uma vez que velejar pelas complexidades das leis de privacidade do consumidor, mourejar com a transparência na calabouço de fornecimento de anúncios e adaptar-se ao cenário em evolução da tecnologia do dedo, incluindo a eliminação progressiva de cookies de terceiros. 

Estes desafios exigem que os anunciantes e editores se adaptem e inovem sempre, garantindo que as suas estratégias programáticas não são somente eficazes, mas também compatíveis e transparentes num mundo cada vez mais do dedo.

Dados privados

Porquê o Google Chrome está eliminando gradualmente os cookies de terceiros em 2024, é eminente que os profissionais de marketing enfrentarão um novo duelo. Esta mudança destaca uma mudança na forma uma vez que os dados do usuário são coletados e usados ​​para direcionamento de anúncios, beneficiando potencialmente plataformas maiores com dados primários robustos, ao mesmo tempo que representa desafios significativos para participantes menores. 

Seja uma vez que for, espera-se que a indústria inove e se adapte, surgindo novas soluções para enfrentar estes desafios.

Fraude publicitária

A fraude publicitária geralmente envolve a falsificação dos cliques ou impressões que um pregão recebe, gerando assim receitas extras. 

Os profissionais de marketing estão preocupados em remunerar por impressões de anúncios que não são visualizados por humanos reais, mas gerados por bots ou por meio de práticas enganosas, uma vez que empilhamento de anúncios ou sites fantasmas. 

Um estudo descobriu que a fraude publicitária custará 84 bilhões de dólares para os profissionais de marketing em 2023, o que representa 22% de todos os gastos com publicidade online. A solução verosímil reside em tecnologias avançadas que utilizam aprendizagem automática e IA para detectar e prevenir fraudes e supervisão humana para indagar e compreender padrões fraudulentos. 

Problemas de transparência

A visão dos editores sobre a calabouço de fornecimento de anúncios é complexa – há uma longa calabouço de intermediários entre o editor e o pregão final exibido em seu site, o que pode levar à falta de controle sobre o teor do pregão, à exibição potencial de anúncios inadequados e à consequente receita ou perda de tráfico.

Um estudo sobre publicidade programática, um mercado estimado em 88 milénio milhões de dólares a nível mundial, mostra problemas significativos de transparência que afectam a eficiência e o valor. Envolvendo 21 empresas e analisando 123 milhões de dólares em gastos com publicidade, a investigação destaca problemas uma vez que a assimetria de informação e o entrada insuficiente aos dados, levando a ineficiências e desperdício de recursos. 

Sites feitos para publicidade (MFA) respondem por 21% das impressões. Aliás, são observados motivos desalinhados, com os anunciantes muitas vezes priorizando o dispêndio em detrimento do valor. Sugere-se que a adoção da estudo de dados de registro de caminho completo (LLD) pode reduzir significativamente o “ignoto”, aumentando a sustentabilidade e a eficiência na compra de mídia programática. 

Questões de sustentabilidade 

Na publicidade programática, o principal tributário para as emissões de carbono são os data centers. Durante o processo de veiculação do pregão, os dados vão do servidor do anunciante para o servidor do editor até chegarem ao navegador do usuário. 

Cada lanço deste processo resulta em consumo de virilidade e emissões de carbono.

Por exemplo, com 1 sentimento de pregão gerando uma média de 1g de resíduos de carbono, estima-se que a quantidade de emissões de carbono causadas pela web seja igual à da indústria da aviação. 

Por outras palavras, se uma campanha publicitária entregar 1 milhão de impressões, emitirá a mesma quantidade de carbono que 1 voo de ida e volta de Boston a Londres para 1 passageiro. 

questão de sustentabilidade na publicidade programática

Soure: Compartilhamento

Um estudo de 2023 do Scope3 descobriu que 60% do carbono gerado pela publicidade programática vem de “emissões de seleção de anúncios” e pode ser atribuído à complexa calabouço de fornecimento. 

Brian O’Kelley, cofundador e CEO da Scope3, disse: “Ao mudar a forma uma vez que configuramos os trilhões de leilões que combinam os anunciantes com os posicionamentos de anúncios, podemos reduzir drasticamente o consumo de virilidade do processo. Ao fazer isso, melhoramos a transparência, reduzimos o risco de privacidade e aumentamos a proporção de gastos em mídia funcional, sem impacto oposto na receita para os editores e sem desempenho oposto ou impacto no alcance para os compradores.”

O horizonte da publicidade gráfica programática

Abordamos as 10 principais tendências de publicidade programática para 2024 em um de nossos artigos anteriores. Não deixe de conferir se quiser se aprofundar nos insights e previsões para o cenário programático em 2024. 

De qualquer forma, daremos uma pequena visão universal do que esperar:

  • A eliminação progressiva de cookies de terceiros e possíveis alternativas. Isto foi principalmente engrandecido na DMEXCO 2023, juntamente com as alternativas emergentes que estão remodelando a publicidade do dedo.
  • Um aumento na publicidade traste e no aplicativo. À medida que o uso de dispositivos móveis continua a aumentar, espera-se que haja um aumento significativo na publicidade traste e no aplicativo, o que permite atingir o público traste cada vez maior.
  • Mais publicidade AR/VR. 
  • Um desenvolvimento da programática na publicidade CTV. A publicidade na TV conectada está aumentando, aproveitando a tecnologia programática para atingir o público por meio de serviços de streaming e sob demanda.
  • Mais anúncios em vídeo no jogo e em ação ao vivo. 
  • Aumento no uso de segmentação contextual e retargeting. À medida que os anunciantes procuram formas mais eficazes de obter o seu público, haverá uma maior ênfase na segmentação contextual e no retargeting, alinhando o teor do pregão mais estreitamente com os interesses e comportamentos dos utilizadores.

Desfecho

A publicidade gráfica programática representa uma abordagem mais automatizada para editores no mundo da tecnologia de publicidade. Ele automatiza a compra e venda de espaço publicitário, utilizando IA e tirocínio de máquina para transações eficientes e em tempo real. Ele agiliza as operações publicitárias e maximiza as oportunidades de receita, direcionando e alcançando públicos específicos de maneira eficiente. 

Olhando para o horizonte, o horizonte da publicidade gráfica programática promete novos avanços em personalização e eficiência. 

No entanto, desafios uma vez que manter a transparência, adaptar-se às regulamentações de privacidade e velejar na eliminação progressiva de cookies de terceiros exigirão inovação e adaptação contínuas por segmento dos editores para sustentar e crescer neste campo dinâmico.

Perguntas frequentes 

Qual é a diferença entre programática e PPC?

A publicidade programática automatiza a compra e venda de espaço publicitário online usando IA e algoritmos, visando públicos específicos em várias plataformas. Já o PPC (pay-per-click) é um protótipo em que os anunciantes pagam cada vez que seu pregão é clicado, comumente usado em publicidade em mecanismos de procura.

Porquê a publicidade programática afeta a privacidade do consumidor?

A publicidade programática levanta questões de privacidade, pois muitas vezes envolve a coleta e estudo de dados do usuário para direcionar anúncios de maneira eficiente. Com o aumento das regulamentações de privacidade, os profissionais de marketing devem prometer que os dados sejam usados ​​de forma responsável e transparente.

A publicidade programática é adequada somente para grandes marcas?

A publicidade programática não se limita às grandes marcas. Oferece soluções escaláveis ​​adequadas para empresas de todos os tamanhos, permitindo que marcas menores atinjam públicos específicos de forma eficiente.

Porquê posso medir o sucesso de uma campanha programática?

O sucesso em campanhas programáticas normalmente é medido por meio de métricas uma vez que taxas de cliques (CTR), taxas de conversão, taxas de engajamento e retorno do investimento em publicidade (ROAS). A estudo avançada também pode rastrear o reconhecimento da marca e o desenvolvimento do público.

A publicidade programática pode ser usada em diferentes mídias, uma vez que TV e rádio?

Sim, a publicidade programática pode ser utilizada em diversas plataformas de mídia, incluindo TV e rádio, permitindo uma estratégia publicitária mais integrada e abrangente.

Sobre Anete Jodzevica

anete bioAnete é perito em marketing de teor na Setupad. Além de grafar artigos, ela trabalha coletando informações, verificando dados e explicando conceitos complexos a outras pessoas. Anete acredita que a simplicidade é a chave para o clarão.

Últimas

Criação de artigos exclusivos a partir de feeds RSS importados usando IA

Você sabia que o shortcode é perfeito...

Por que o EQ é importante no trabalho (e no SEO)

A inteligência emocional (EQ) é importante em nosso...

As visões gerais de IA do Google se tornam virais e atraem o escrutínio da mídia convencional

A implementação pelo Google de visões gerais geradas...

Mulheres na IA: Arati Prabhakar acha que é crucial acertar a IA

Para dar às mulheres acadêmicas e outras pessoas...

Assine

spot_img

Veja Também

Criação de artigos exclusivos a partir de feeds RSS importados usando IA

Você sabia que o shortcode é perfeito...

Por que o EQ é importante no trabalho (e no SEO)

A inteligência emocional (EQ) é importante em nosso...

As visões gerais de IA do Google se tornam virais e atraem o escrutínio da mídia convencional

A implementação pelo Google de visões gerais geradas...

Mulheres na IA: Arati Prabhakar acha que é crucial acertar a IA

Para dar às mulheres acadêmicas e outras pessoas...
spot_img

Criação de artigos exclusivos a partir de feeds RSS importados usando IA

Você sabia que o shortcode é perfeito para criar artigos exclusivos com plug-ins CyberSEO Pro e RSS Retriever baseados em conteúdo importado?...

Por que o EQ é importante no trabalho (e no SEO)

A inteligência emocional (EQ) é importante em nosso trabalho e em nossa vida pessoal. Ajuda-nos a gerir e resolver conflitos e a...

As visões gerais de IA do Google se tornam virais e atraem o escrutínio da mídia convencional

A implementação pelo Google de visões gerais geradas por IA nos resultados de pesquisa nos EUA está tomando um rumo desastroso, com os...