Posts Recentes:

X está lançando um aplicativo de TV para vídeos ‘em breve’

X, empresa anteriormente conhecida como Twitter, está lançando...

Google E-E-A-T: o que é isso?

No mundo digital, a confiança é fundamental. É...

Google planeja consertar problema de diversidade de imagens históricas em algumas semanas


O Google está otimista em relação à solução do problema de diversidade de imagens históricas do Gemini em questão de semanas.

Na semana passada, a funcionalidade do Gemini foi suspensa depois que usuários apontaram que o software estava gerando imagens históricas inconsistentes, retratando os Fundadores dos Estados Unidos como um grupo diversificado de pessoas, em vez de apenas homens brancos.

Demis Hassabis, fundador da DeepMind, afirmou que a capacidade de retratar pessoas em imagens será restaurada em breve, nas próximas semanas.

Durante uma entrevista no Mobile World Congress, em Barcelona, Hassabis explicou que o problema ocorreu devido à dificuldade do Google em identificar quando os usuários buscavam uma “representação universal” ao solicitar imagens de pessoas.

Ele ressaltou que a questão é complexa, especialmente considerando a diversidade de usuários em mais de 200 países atendidos pelo Google.

A intenção era promover a diversidade nas imagens geradas pelo Gemini, mas o recurso foi aplicado de forma exagerada.

Hassabis reconheceu a importância da precisão histórica e mencionou que, para solicitações de imagens de pessoas históricas, a distribuição das imagens será mais restrita.

O objetivo é oferecer uma ampla gama de possibilidades universalmente, levando em consideração o contexto e as origens dos usuários.

Além disso, Hassabis abordou a preocupação sobre o uso indevido de ferramentas de inteligência artificial generativa por atores mal-intencionados, como regimes autoritários que espalham propaganda.

Ele destacou a necessidade de um debate amplo e envolvimento da sociedade civil e governos para estabelecer limites e garantir o uso responsável dessas tecnologias.

Hassabis ressaltou a importância de considerar os valores e as implicações éticas desses sistemas, especialmente à medida que se tornam mais poderosos.

Durante a entrevista, Hassabis também compartilhou sua visão sobre o futuro dos dispositivos de IA e o desenvolvimento contínuo da inteligência artificial generativa.

Ele mencionou a possibilidade de assistentes inteligentes que sejam úteis no dia a dia das pessoas e possam até influenciar a escolha de dispositivos móveis, como o uso de óculos ou outros dispositivos que permitam uma compreensão mais aprofundada do contexto do usuário e ofereçam assistência mais eficaz.

Últimas

X está lançando um aplicativo de TV para vídeos ‘em breve’

X, empresa anteriormente conhecida como Twitter, está lançando...

Google E-E-A-T: o que é isso?

No mundo digital, a confiança é fundamental. É...

Como adaptar seu marketing para a nova era da análise de dados

Não é exagero dizer que o cenário dos...

Assine

spot_img

Veja Também

X está lançando um aplicativo de TV para vídeos ‘em breve’

X, empresa anteriormente conhecida como Twitter, está lançando...

Google E-E-A-T: o que é isso?

No mundo digital, a confiança é fundamental. É...

Como adaptar seu marketing para a nova era da análise de dados

Não é exagero dizer que o cenário dos...
spot_img

X está lançando um aplicativo de TV para vídeos ‘em breve’

X, empresa anteriormente conhecida como Twitter, está lançando em breve um aplicativo de TV dedicado para vídeos enviados à rede social. CEO...

A Perplexity está levantando mais de US$ 250 milhões com uma avaliação de US$ 2,5 a US$ 3 bilhões para sua plataforma de pesquisa...

Perplexity, a inicialização do mecanismo de busca de IA, é uma propriedade em alta no momento. O TechCrunch descobriu que a empresa...

Google E-E-A-T: o que é isso?

No mundo digital, a confiança é fundamental. É por isso que o Google vem aprimorando seus critérios de pesquisa, priorizando conteúdos que demonstram...