Posts Recentes:

Google anuncia Gemma: IA de código aberto compatível com laptop

O Google lançou um modelo de linguagem grande...

Amazon lançará ‘loja especial’ de moda de valor na Índia

A Amazon está se preparando para fazer outra...

Colaboração de influenciadores para Link Building: táticas comprovadas


‍Os blogueiros são frequentemente considerados líderes de opinião devido ao grande número de seguidores e à confiança que seus assinantes depositam neles. Como resultado, as empresas que oferecem produtos ou serviços podem recorrer a blogueiros famosos para publicidade.

Colaboração com influenciadores

‍É importante atingir os blogueiros cujos assinantes correspondem ao público desejado para a marca. Esta seção discutirá como utilizar blogueiros para promover seu produto, incluindo os benefícios deste método promocional e estratégias para identificar potenciais influenciadores para colaboração.

O que é marketing de influência

‍Antes de aprofundar as especificidades deste método promocional, é fundamental estabelecer o seu princípio fundamental. O marketing de influenciadores envolve a promoção de seus produtos ou serviços por meio da colaboração com influenciadores, especialmente aqueles que atuam nas redes sociais. Hoje, tanto a geração Y quanto os buzzers confiam nos blogueiros. O segredo é colaborar com personalidades da mídia relevantes para o seu público-alvo.

‍Não é segredo que as pessoas hoje preferem comprar de outras pessoas. A publicidade em blogs costuma ser percebida como boca a boca, e não como uma ferramenta promocional paga.

‍Você pode usar publicidade direcionada e externa ou negociar com um blogueiro de estilo de vida ou beleza para troca ou publicidade paga para promover seus cosméticos decorativos. Isso ajudará seus produtos a atingir um público-alvo específico, resultando em um aumento notável nas vendas. Para que o marketing de influência seja eficaz, é importante cultivar cuidadosamente sua presença nas redes sociais para atrair novos clientes e assinantes em potencial.

Benefícios de obter links de blogueiros

‍A colaboração com blogueiros provou ser altamente eficaz na obtenção dos resultados desejados, desde que sejam definidas especificações técnicas claras e criativas e publicidade envolvente. O sucesso é medido pelo número de cliques na página e pelos pedidos subsequentes feitos.

‍Existem várias vantagens em colaborar com líderes de opinião como método promocional.

  • Alto nível de confiança. Os assinantes confiam nos blogueiros que seguem e muitas vezes são influenciados por suas recomendações. Portanto, ter um público aquecido pode ser benéfico para a venda do produto.
  • Atividade adicional na página. Podem ser considerados métodos para atrair novos assinantes para sua conta, como lançar um flash mob ou anunciar uma oferta de produto em troca de assinaturas ou curtidas.
  • Uma abordagem universal. Colaborar com especialistas na área melhora as vendas e atrai novos assinantes que podem recomendar sua marca a outras pessoas.
  • Relevância para qualquer área. A colaboração de influenciadores pode ser um método valioso e eficaz para a maioria das empresas, embora possa não ser relevante para todas as áreas.

‍Estratégias eficazes de criação de links para comércio eletrônico geralmente envolvem análises de produtos patrocinados. É recomendável entrar em contato com blogueiros e influenciadores relevantes em seu nicho e perguntar se eles estariam dispostos a avaliar seu produto. Normalmente, os blogueiros recebem produtos gratuitos para avaliações patrocinadas em troca de promovê-los.

Como fazer parceria com influenciadores?

‍Se você segue blogueiros nas redes sociais, provavelmente já os viu anunciar produtos e serviços. Os influenciadores mais responsáveis ​​apenas promovem produtos que testaram e gostaram pessoalmente. No entanto, alguns blogueiros promovem tudo o que lhes é oferecido, o que pode fazer com que menos pessoas confiem em suas recomendações.

‍Cooperar com um blogueiro milionário proeminente não garante boas vendas, especialmente se seu público for composto por crianças que podem não ter poder de compra.

Colaboração com influenciadores

‍Em vez disso, blogueiros com 15 mil seguidores no Instagram, principalmente aqueles com uma página especializada e assinantes interessados ​​em recomendações, podem ser mais benéficos para uma marca.

‍Como você descobre com quais blogueiros colaborar? Oferecemos várias opções de pesquisa:

  • Independente. Abra a rede social de sua preferência e pesquise líderes de opinião populares usando a barra de pesquisa. Analise cuidadosamente suas páginas para observar os produtos que anunciam e seu design.
  • Agências especiais oferecem serviços de busca de formadores de opinião na sua área de interesse. Eles analisam a eficácia da cooperação examinando a proporção de assinantes e preferências, a qualidade dos comentários (bots falsos podem deixá-los) e outros fatores relevantes. Essas agências fornecem uma lista de diferentes pessoas famosas com quem você pode colaborar, em vez de apenas um blogueiro.
  • Trocas online especiais. São plataformas que reúnem anunciantes e blogueiros. No entanto, eles podem não ter uma lista completa de influenciadores.

Exemplos de erros na colaboração

‍Para garantir o sucesso da sua campanha, é importante evitar erros comuns. Vamos examinar cada um deles e aprender como trabalhar com influenciadores.

Escolha errada de influenciador

‍A colaboração entre o McDonald's e o influenciador Casey Neistat é um exemplo de escolha do influenciador errado para promover uma marca. Neistat, um vlogger do YouTube, costuma criar conteúdo sobre a luta por uma alimentação saudável e contra a obesidade. Esta colaboração influenciador-marca atraiu críticas e insatisfação do seu público, que acredita que o McDonald's é responsável pelos problemas de obesidade da sociedade. Para divulgar a marca, é aconselhável selecionar um influenciador cujos valores e imagem estejam alinhados com os valores da empresa. Isso resultará em um impacto e feedback mais positivos do público.

Conteúdo de baixa qualidade ou impróprio

‍Em 2018, Logan Paul, um influenciador, postou um vídeo em seu canal no YouTube apresentando um cadáver encontrado em uma floresta suicida japonesa. O vídeo causou protestos públicos generalizados e feedback negativo de espectadores e anunciantes.

‍Como resultado, Logan Paul foi excluído do programa de parceria do YouTube e perdeu contratos com vários anunciantes, incluindo um fabricante de eletrônicos e equipamentos de informática. Marcas que colaboram com Logan Paul podem enfrentar reações adversas devido à campanha de imagem negativa associada a ele.

Medição de desempenho errada

‍Listerine lançou uma campanha de influenciadores no Instagram para promover novos tipos de chicletes. Porém, apesar do elevado número de curtidas e comentários nas postagens, as vendas de chicletes não aumentaram. Posteriormente, descobriu-se que a empresa mediu apenas o número de curtidas e comentários, e não a eficácia real da campanha. Além disso, descobriu-se que muitos dos influenciadores com quem Listerine trabalhou tinham seguidores falsos.

Controle insuficiente

‍Em 2018, a Dolce & Gabbana não conseguiu implementar medidas de controlo adequadas sobre o conteúdo publicado nas redes sociais em preparação para uma campanha publicitária na China.

‍Os influenciadores convidados a participar da campanha não receberam instruções específicas e desconheciam o próximo conteúdo publicitário. Como resultado, foram publicados vídeos que exibiam mal-entendidos culturais e comentários racistas por parte dos ativistas. O incidente causou um escândalo significativo e uma resposta negativa dos consumidores chineses, prejudicando gravemente a reputação da marca na China.

Planejamento Orçamentário Incorreto

‍Imagine que a Empresa X esteja planejando uma campanha publicitária no Instagram com a ajuda de três influenciadores: A, B e C. Cada influenciador tem um público e um preço diferentes. O influenciador A tem 50 mil seguidores e um valor de anúncio de US$ 100 mil, o influenciador B tem 100 mil seguidores e um valor de US$ 200 mil, e o influenciador C tem 150 mil seguidores e um valor de US$ 300 mil.

Colaboração com influenciadores

‍A Empresa X pode cometer o erro de dividir seu orçamento igualmente entre esses três influenciadores. Alocar o orçamento com base no número de seguidores e nos custos de publicidade de cada influenciador seria mais eficaz. Por exemplo, a Empresa X poderia gastar US$ 300.000 no Influenciador C, US$ 200.000 no Influenciador B e US$ 100.000 no Influenciador A. Essa abordagem garantiria o uso eficiente do orçamento e maximizaria os benefícios de cada parceria com influenciadores.

Incapacidade de construir relacionamentos com influenciadores

‍Se uma empresa decidir receber backlinks por meio de influenciadores, a falha na comunicação pode ser um erro grave. Os empresários muitas vezes não levam os blogueiros a sério, o que é um erro significativo. Ao colaborar com alguém, tratá-lo como parceiro é essencial. Embora esta abordagem não elimine problemas e mal-entendidos, reduz significativamente a sua probabilidade.

Inconsistência entre estilo de conteúdo e marca

‍A empresa de cosméticos lançou uma campanha publicitária no Instagram usando um influenciador com grande número de seguidores e muitas curtidas. Porém, a postagem do influenciador apresentando os produtos da empresa diferia significativamente do estilo da marca. A postagem usava cores vivas, animações e outros efeitos que não combinavam com a imagem da empresa. A postagem não atraiu muitos assinantes e a campanha não alcançou o resultado desejado.

Falta de Plano de Ação

‍Suponha que uma empresa lance um novo produto e decida promovê-lo por meio de recomendações de influenciadores. No entanto, sem um plano específico, não está claro quais influenciadores seriam mais eficazes na promoção do produto. A empresa inicia sua busca, mas fazer a escolha certa exige um plano bem definido.

‍Embora possa ser desnecessário explicar a importância do planejamento para um empresário, os blogueiros costumam ser criativos e preferem trabalhar em seu próprio ritmo. Portanto, é crucial discutir abordagens de planeamento e encontrar pontos comuns antes de iniciar qualquer cooperação.

Como você verifica o potencial da colaboração de influenciadores?

‍Para garantir que a colaboração com um blogueiro conhecido beneficiará sua marca, é essencial revisar sua página com atenção. Os especialistas podem analisar contas de redes sociais e identificar possíveis armadilhas e atividades suspeitas.

‍Normalmente, você deve ter cuidado com:

  • Assinaturas e comentários inflacionados geralmente são o resultado de bots pagos, que deixam principalmente comentários de uma palavra e emojis sob as fotos.
  • A suspeita pode surgir quando há baixo ou alto envolvimento do público. A norma é de aproximadamente 10%, o que significa que para 50 mil assinantes, um blogueiro deve ter cerca de 5 mil curtidas em postagens.
  • Os formadores de opinião devem cumprir as condições do anunciante, trabalhando de acordo com as especificações técnicas sem desvios e apresentando pontualmente as postagens publicitárias. O não cumprimento de prazos ou alterações excessivas nas teses do cliente podem prejudicar as vendas.
  • O marketing de influência continua sendo uma ferramenta eficaz para promover produtos ou serviços. O segredo é identificar um blogueiro responsável e verificar se seus assinantes correspondem ao seu público-alvo.

‍Seguir essas dicas pode ajudar a evitar erros e garantir colaborações lucrativas com influenciadores.

Conclusão

‍As táticas de promoção estão evoluindo rapidamente e os influenciadores estão se tornando cada vez mais populares. No entanto, promover através de influenciadores não garante o sucesso, a menos que as empresas considerem possíveis erros. As empresas precisam escolher influenciadores cujo público corresponda ao seu público-alvo e cujo conteúdo seja consistente com o estilo e os valores da sua marca. Também é fundamental criar um plano de ação abrangente que englobe todas as etapas promocionais e supervisione a sua execução.

Construir meus backlinks

Últimas

Google anuncia Gemma: IA de código aberto compatível com laptop

O Google lançou um modelo de linguagem grande...

Amazon lançará ‘loja especial’ de moda de valor na Índia

A Amazon está se preparando para fazer outra...

WhatsApp adiciona suporte de formatação para listas, citações em bloco e código embutido

O WhatsApp disse hoje que está lançando uma...

Assine

spot_img

Veja Também

Google anuncia Gemma: IA de código aberto compatível com laptop

O Google lançou um modelo de linguagem grande...

Amazon lançará ‘loja especial’ de moda de valor na Índia

A Amazon está se preparando para fazer outra...

WhatsApp adiciona suporte de formatação para listas, citações em bloco e código embutido

O WhatsApp disse hoje que está lançando uma...

Plataforma de modelos abertos para impulsionar a pesquisa em IA

O Google revelou a Gemma, uma nova linha...
spot_img

Google anuncia Gemma: IA de código aberto compatível com laptop

O Google lançou um modelo de linguagem grande de código aberto baseado na tecnologia usada para criar o Gemini que é poderoso, porém...

Amazon lançará ‘loja especial’ de moda de valor na Índia

A Amazon está se preparando para fazer outra tentativa de entrar no setor de rápido crescimento do comércio eletrônico de moda e estilo...

WhatsApp adiciona suporte de formatação para listas, citações em bloco e código embutido

O WhatsApp disse hoje que está lançando uma série de novas opções de formatação no aplicativo, incluindo listas com marcadores, listas numeradas, citações...