Posts Recentes:

23andMe revela vazamento de dados de 6,9 milhões de usuários


23andMe, renomada empresa de biotecnologia e genômica pessoal, choca o mundo ao revelar um alarmante vazamento de dados que afeta a privacidade de 6,9 milhões de seus usuários.

Com sede em Mountain View, nos Estados Unidos, a 23andMe foi fundada em 2006 por Anne Wojcicki, ex-mulher de Sergey Brin, um dos cofundadores do Google.

A empresa ganhou destaque ao oferecer aos usuários a oportunidade de descobrir informações sobre sua ancestralidade e características genéticas por meio de testes de DNA personalizados.

No entanto, a recente revelação do vazamento de dados coloca a reputação da 23andMe em xeque. O incidente ocorreu em outubro, quando hackers conseguiram acessar ilegalmente informações pessoais de aproximadamente 6,9 milhões de usuários.

Inicialmente, a empresa divulgou que apenas 0,1% de seus clientes haviam sido afetados, mas agora confirma que metade de seus 14 milhões de usuários foi impactada pelo vazamento.

Os dados comprometidos incluem nomes, anos de nascimento, informações de parentesco, porcentagem de DNA compartilhado com parentes, relatórios de ancestralidade e localizações autodeclaradas.

Além disso, os hackers também tiveram acesso aos perfis de Árvore Genealógica de alguns usuários, expondo nomes de exibição, rótulos de parentesco, anos de nascimento e locais autodeclarados.

A empresa atribui uma parte significativa da culpa aos usuários que reutilizam senhas, uma prática que compromete a segurança em várias plataformas.

No entanto, críticos questionam a falta de transparência inicial da empresa em relação à gravidade do incidente e à demora em divulgar informações precisas sobre o número de usuários afetados.

Diante desse cenário preocupante, os usuários da 23andMe são aconselhados a tomar medidas imediatas para proteger sua privacidade.

Recomenda-se alterar todas as credenciais de acesso e remover informações pessoais sensíveis da plataforma.

Últimas

Assine

spot_img

Veja Também

spot_img

Paul Graham afirma que Sam Altman não foi demitido da Y Combinator

Em um série de postagens no X na quinta-feira, Paul Graham, cofundador da aceleradora de startups Y Combinator, rejeitou as alegações de que...

A desinformação funciona, e um punhado de “supercompartilhadores” sociais enviou 80% dela em 2020

Dois estudos publicados quinta-feira na revista Science oferecem evidências não apenas de que a desinformação nas redes sociais muda as mentes, mas que...